Promoções

terça-feira, 27 de março de 2012

EU E A JABIRACA

EU E A JABIRACA
OU SEJA MINHA MOTINHA DE 49 CILINDRADAS

Bem! são tantas histórias engraçadas,as vezes tristes e dramáticas,muitas das vezes coisas que são imposiveis de acreditar,estamos trabalhando juntas a muito tempo e eu sempre dizendo vou escrever sobre este assunto mais nada de tempo para tal coisa.
   Agora com nossa separação depois de tanto tempo juntas na batalha,debaixo de sol e de chuva,muita lama muita poeira,muito choro e muitas gargalhadas estou dedicando este espaço para relembrar bons tempos,nossa! uma das coisas mais estranhas foi  o tal alarme que instalaram na coitada,sempre disparava nas horas mais impróprias,uma das vezes eu ia subindo no viaduto de mesquita bem na curva com um ônibus a traz de mim ela parou e começou a gritar,o ônibus não ,podia imaginar que eu iria parar bem na frente dele dai quase me matou passando por cima de mim, me apavorou de susto e ainda me chingou que apavorada comecei chorar e empurrar a Motinha para cima da calçada e  ela não parava de gritar.Em meio ao meu choro,chegou uma policial que me acalmou e colocou o trânsito na ordem dai decir o viaduto e aguardei o socorro por mais de 4 horas e ela não parava de gritar colocamos dentro da fiorina e ela foi gritando até chegarmos na oficina em outro município.
   Outra vez ela fez a mesma coisa na via lithe ,no primeiro sinal ,quando o sinal abriu ela parou e começou a gritar,kkkk depois que passa dar vontade de rir mais na hora é horrível,esperei o socorro mais 3 horas.
   Outro episodio foi um colega que me deu uma corda destas elásticas que serve para prender capacete na moto,o treco enrolou na roda e me derrubou na rua,foi um terror,tive que pedir uma faca emprestada,mais a pessoa  só tinha uma faca de serra desta de pão de mesa horrorosa fiquei quase uma hora para conseguir cortar.
uma vez começou a chover e alagou todas as ruas tive que largar a jabiraca em casa de pessoas porque ela estava com motor debaixo d'água.
   outros ebisódios interesantes são as blits  policiais,um veiculo de 49 cilindradas que na realidade só funciona até 40,porque tem um dispositivo que para a moto quando tentamos avançar a velocidade, eles apreende a moto sem  maiores explicações alegando motivos espatafudicos.para podermos pagarmos o reboque,porque o detran diz que nada consta contra o veiculo que nem placa tem.
Outra   vez que me fez pensar e refletir sobre andar de moto foi quando cai em um dia de chuva la em Austin, machuquei a perna fiquei doidona no chão porque bati a cabeça no meio fio,e naõ conseguia me levantar,só não foi mais serio porque sempre ando de capacete e estava com roupa de chuva dai foi sem grandes consequencias,uma coisa que não acontece com ninguém passando em uma ponte veio uma sacola preta voando,e acredite se quiser ela veio e entrou na minha cabeça,quase outro acidente kkkk tinha prometido nunca contar pra niguem mais teve testemunha,quando cheguei em casa meu esposo já sabia.dai conto mais é inacreditavel,fora as fechadas dos ônibus carretas e até mesmo carros de passeio que não tem pudor nenhum no trânsito carioca e já não morri porque Deus não quiz,fui mordida de cachorro e estou em pânico quando vejo um e muitos outros detalhes conforme eu lembar escreverei a qui para reeelembrar meus tempos de jabiraca e de Vitória régia.